Cruzeiro volta a jogar em Sete Lagoas, na Arena do Jacaré, e com torcida

Comitê Municipal da Covid-19 autoriza Sete Lagoas a avançar para a onda verde do Minas Consciente. Com isso, foi liberada a lotação de até 30% da capacidade da Arena do Jacaré, o que corresponde a 3.900 torcedores.Teste Covid terá que ser mostrado.

26/08/21 - 19:04

Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (Foto: Arquivo)
Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (Foto: Arquivo)

Celso Martinelli

O Comitê Local de Enfrentamento da Covid decidiu, na tarde desta quinta-feira, (26), avançar Sete Lagoas para a onda verde do programa Minas Consciente. A principal decisão foi a liberação de até 30% da capacidade de público em estádios, o que representa, na atualidade, 3.900 torcedores na Arena do Jacaré. Dessa forma, o Cruzeiro poderá manter a programação de voltar a jogar na cidade. O próximo jogo da equipe celeste como mandante na Segunda Divisão está marcado para o dia 7 de setembro, terça-feira, às 16h.  

Segundo informações, a capacidade da Arena estaria em 13.000 pessoas, já que parte de sua estrutura de arquibancadas está interditada, em obras. Não será permitido o comércio ambulante de bebidas alcoólicas dentro e no entorno do estádio e a fiscalização de possíveis aglomerações será realizada pela Guarda Municipal e Polícia Militar. 

Outra medida definida é que os portões do estádio Joaquim Henrique Nogueira deverão ser abertos três horas antes do jogo e fechados meia hora antes da partida começar. O clube mandante deve seguir todos os protocolos definidos pela Federação Mineira de Futebol e, por isso, exigir testes PCR. 

“Ainda vamos nos reunir com o Democrata e o Cruzeiro para detalhar bem as regras de segurança sanitária a serem seguidas. Não podemos perder o controle e depois desse avanço ter que recuar, por isso, contamos mais uma vez com a conscientização da população e dos torcedores”, comentou Duílio de Castro.

A reclassificação para a onda verde foi aprovada por unanimidade pelos membros do Comitê, que é formado por representantes da Secretaria Municipal de Saúde, de hospitais particulares, da Guarda Municipal e da Polícia Militar

Em relação aos eventos, ambientes fechados poderão receber até 50% da capacidade, ou o limite de até 300 pessoas. Já locais abertos podem receber até 50% da capacidade, até o limite de 600 pessoas. O horário foi estendido até 01h da manhã. Bares e restaurantes continuam podendo funcionar até 01h e cinemas poderão ter ocupação de até 50%. As decisões deliberadas seriam publicadas em Decreto Municipal nesta quinta-feira (26). 

imagem
O Comitê Local de Enfrentamento da Covid se reuniu na tarde da última quinta-feira (26)
“A vacinação evoluiu muito em Sete Lagoas, onde já aplicamos mais de 202 mil doses da vacina contra a Covid-19. Levamos em consideração a queda brusca na ocupação de leitos que, atualmente, está com índices muito baixos”, comentou o prefeito Duílio de Castro. “O ritmo de transmissão de doença também seguiu o mesmo ritmo de queda”, completou Dr. Flávio Pimenta, secretário municipal de Saúde. 

DE VOLTA À ARENA
Após a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) vetar novamente a presença de público nos jogos de futebol, o Cruzeiro está avaliando outras cidades e estádios onde pode mandar suas partidas na Série B do Campeonato Brasileiro. Na segunda-feira (23), membros do clube estiveram no local e avaliaram a estrutura e o gramado, que não está em boas condições. 

"O estádio, em geral, está razoável, tem uma parte interditada. Portanto, 13 mil pessoas é o máximo de público total que pode ter aqui. No Módulo II, o protocolo da Federação Mineira, que é o que nós conhecemos, nos permitiu a presença de 600 torcedores", apontou Renato Paiva, presidente do Democrata.

Em suas redes sociais, o deputado estadual Douglas Melo (MDB) informava que a decisão já havia sido tomada na terça-feira (24). "Cruzeiro e Democrata batem o martelo sobre os jogos do Cruzeiro na Arena. Cruzeiro assumirá a reforma do gramado. O presidente do Cruzeiro me garantiu que a vinda só depende que a prefeitura avance para a onda verde que já está autorizada pelo governo do Estado", escreveu. E foi o que acabou ocorrendo.

Assim como fez entre os anos de 2010 e 2012, quando Mineirão e Independência estavam em reforma, o Cruzeiro pode voltar a mandar jogos regularmente na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas. O retrospecto do time no estádio é positivo. Foram 55 partidas oficiais ao todo, sendo 45 como mandante. No geral, o clube conquistou 34 vitórias, 10 empates e 11 derrotas, um aproveitamento de 67% dos pontos em disputa.

O último jogo do Cruzeiro em Sete Lagoas ocorreu no dia 6 de março deste ano, contra a URT, pelo Campeonato Mineiro – time de Patos de Minas era o mandante. O clube celeste venceu por 2 a 0. Os artilheiros do Cruzeiro na Arena do Jacaré são Wallyson, Montillo e Wellington Paulista, com 14 gols cada. Anselmo Ramon vem em seguida, com 11 tentos.

VAR E GRAMADO
Com os planos de atuar contra Ponte Preta e Operário, pelas 23ª e 24ª rodadas da Série B do Brasileiro na Arena do Jacaré, o Cruzeiro ainda precisa viabilizar a homologação do estádio para receber partidas com a tecnologia do VAR.

De acordo com a Federação Mineira de Futebol, a Arena não está homologada para o VAR. Esta permissão será necessária para que o Cruzeiro possa atuar no estádio pela Série B, competição que terá todos os jogos com a tecnologia neste segundo turno.

Desde o acerto para atuar no estádio, o Cruzeiro está ciente e tentará viabilizar esta homologação. Para isso, é preciso realizar um evento-teste, que não precisa ser um jogo oficial, podendo acontecer até mesmo no dia do jogo contra a Ponte Preta, em 07 de setembro, terça-feira. O evento-teste serve para o ajuste de questões operacionais.

Assim, vira mais uma pendência para o Cruzeiro resolver. O clube mineiro começa ainda esta semana o trabalho de recuperação do gramado do estádio, que vem recebendo partidas constantes. A partir do próximo domingo, serão 10 dias sem jogos e de cuidados com o gramado até a partida contra a Ponte.

Oficialmente, o clube afirma que "está avaliando algumas praças que podem receber os próximos jogos da equipe. A decisão será oficializada em momento oportuno".

Veja Mais